A impontualidade do amor

Ela não pode fazer isso com ele. Não com ele. O cara que a enxerga de uma maneira tão mais bonita que a realidade. O cara que diz que sempre pensa nela quando faz um desejo. O amigo amante confidente e por vezes cozinheiro. Está tudo ali: o pacote completo do homem perfeito. Só que ela tem a hipermetropia do amor e não enxerga nada de perto. Ele até pode ser o óculos que ela precisa, mas ela ainda nem se descobriu cega. Acha que a escuridão amorosa é tudo o que existe. E só.

Ela não quer se dedicar a uma outra pessoa. Ele quer ser a pessoa que vai mudar isso. Ela não acredita mais em borboletas no estômago. Ele compraria todas elas e as daria de presente se fosse necessário. Ela quer seguir o seu caminho. Ele acha que uma boa companhia tornaria a caminhada mais agradável. Ela tem medo de sofrer outra vez. Ele acha que isso não é uma escolha; é um fato. Ela tem feridas ainda abertas causadas por um babaca. Ele é um kit de primeiros socorros com os olhos azuis mais azuis do mundo.

Ela vai se culpar pra sempre por não ter pulado no barco dele e saído navegando por novos mares. Ela preferiu a tormenta da solidão. O maremoto dos que vivem sozinhos. Ela precisa navegar o próprio barco. 

Aqui vai o meu apelo a esse garoto perfeito: não leve a garota errante a mal. Não se sinta culpado por não ter conseguido. Ela tentou se entregar. Mas nem ela mesma conhece o caminho que leva ao seu coração. O problema não é você. Nem ela. O problema é a impontualidade do amor.
Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

12 respostas para A impontualidade do amor

  1. Teresa Cristina Foschini (LILI) disse:

    Amanda vc é ferrada mesmo, sou sua super fã, te amo muito.
    Saudades,
    bjs
    Lili

  2. aninhacruz disse:

    Uma palavra: Nos-sa.

  3. disse:

    Lindo, incrível…
    Chorei e li pra todo mundo do escritório… Não sei se é o momento da vida, mas vivo uma situação parecida, mas inversa… rs
    Amei! Acho que esse é o mais lindo de todos!
    Bjão

  4. Savana disse:

    Seu texto é incrível! Faz todo sentindo pra mim…Parabéns!

  5. poisjafoi disse:

    Absurdamente real e preciso. Parabéns!

  6. Priscila disse:

    Esse homem perfeito jamais deixaria de responder um post desse. Amanda, nos de o prazer de saber a resposta. Um exemplo aos homens imperfeitos.

  7. eduarda disse:

    Lindaaaaaaa,amei vc é fantastica.Querooo muito ver vc amando d novo,nao sei prq…Acho que é p aquele babaca lá ver..rsrsrsrsrsrssrs…Adorooo vc é incrivel!!

  8. Juliana Dragoni disse:

    Amandannnnn você escreve muito garota! Adorei!

  9. Bruno disse:

    Parabens Amanda.
    Caí por acaso aqui no blog, mas já virou “favorito”..
    Texto leve, divertido e inteligente.
    Acaba de ganhar um admirador.

  10. Bru Ortiz disse:

    Darling,

    U get both sides so especifically… How can that be?!

    Beautiful words… Ure on!

    xxxx

  11. Wania Westphal disse:

    Você é um ponto fora da curva, garota, delicie-se!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s